Ao congelar salgados, abre-se um leque mais amplo de possibilidades para atendimento de pedidos de última hora, com pouco prazo e para se atender mais clientes em menos tempo. No entanto, apesar dessas facilidades, alguns empreendedores do ramo acabam não trabalhando com esse tipo de produto, por não saberem bem ou não se sentirem seguros na hora de fritar salgados congelados.

A verdade é que, seguindo algumas boas práticas, essa tarefa pode ser feita sem nenhum mistério. Para ajudá-lo nisso, neste artigo, confira dicas para fritar seus salgados congelados. Acompanhe a seguir.

6 dicas para fritar salgados congelados

1. Antes de tudo, faça uma massa e um recheio de qualidade

É ainda na fase de preparo da massa e do recheio do salgado que iniciam os cuidados para manter sua qualidade após o congelamento e a fritura. Então, utilize apenas ingredientes de qualidade em seus produtos.

Ainda, cuidar a espessura da massa, para que não fique fina demais para seu recheio e corra o risco de estourar, também é importante. E se for utilizar queijo em seu recheio, prefira aqueles que não derretam tão facilmente, como o prato.

2. Não descongele os salgados antes de fritá-los

Para manter o sabor, a aparência e a consistência inalterados, é importante não descongelar seus salgados antes de fritá-los, já que isso modificaria a consistência de sua massa, o visual do produto e, claro, o sabor característico de um salgado recém-feito. Ainda, o descongelamento aumenta as chances de a massa quebrar e arruinar seu produto e, assim, reduzir sua produtividade e seus lucros.

Para conservar sua textura, seu gosto e sua aparência, a dica é esperar em torno de dez minutos, para que eles “derretam” apenas um pouquinho, porém sem descongelarem completamente. A partir disso, é possível fritá-los.

3. Faça a imersão completa dos salgados

Para fritar salgados adequadamente, é preciso que eles fiquem totalmente submersos no óleo. Para isso, o indicado é deixar em torno de um centímetro de óleo acima dos salgadinhos, a fim de que, durante a fritura, eles permanecem imersos. 

E vale lembrar também de sempre utilizar óleo novo nesse processo. O óleo já usado fica escurecido em função de manter resíduos de outros alimentos o que pode levar seus novos salgadinhos a ficarem com uma má aparência ou mesmo com sabor diferente.

4. Certifique-se de utilizar a temperatura ideal para fritar salgados

É importante aguardar o óleo esquentar antes de colocar os salgados na frigideira, a fim de evitar que eles fiquem encharcados ou que estourem. Em contrapartida, o óleo quente em demasia também pode ser prejudicial, levando seus quitutes a dourarem por fora antes do tempo e a ficarem crus por dentro. Para evitar esses problemas, a temperatura recomendada é de cerca de 180ºC.

5. Faça o procedimento com calma e atenção

Para evitar acidentes envolvendo queimaduras, é importante não jogar seus salgados diretamente no óleo com suas mãos – utilizar uma escumadeira pode ser uma boa ideia. Ainda, colocar com atenção uma pequena quantidade de produto por vez, a fim de que o óleo não respingue também é importante. Esse cuidado ajudará ainda a evitar que os salgados fiquem grudados uns aos outros.

6. Escorra o óleo da fritura

Na hora da fome, um salgadinho gorduroso e de consistência mole não é nada atrativo, certo? Então, para que seus salgados fiquem crocantes e sequinhos para os clientes, é preciso escorrer bem o óleo da fritura. Para isso, você pode utilizar um escorredor e papel toalha. 

E então, com essas dicas, conseguimos reduzir o seu receio em fritar salgados congelados? Se você gostou deste conteúdo, confira também nosso artigo sobre a quantidade ideal de recheio para cada tamanho de salgados. Até a próxima!