8 passos para fazer o seu negócio dar certo

8 passos para fazer o seu negócio dar certo

Quem é dono da sua própria empresa ou pretende empreender não pensa em outra coisa a não ser fazer o seu negócio dar certo. Afinal, o investimento e a dedicação precisam de um bom retorno.

O Brasil está entre os países mais empreendedores do mundo. Entretanto, por outro lado, o número de empresas que fecham nos primeiros anos ainda é muito alto. O fato é que não existe uma receita pronta para o sucesso, as estratégias variam de acordo com o perfil do empreendedor, o ramo de atuação da empresa, as condições do mercado, os objetivos e, principalmente, das suas habilidades como gestor.

Apesar de não existir milagre ou fórmula mágica para ser bem-sucedido, existem algumas estratégias infalíveis para fazer o seu negócio dar certo, e nós vamos compartilhá-las com você a seguir!

8 estratégias para o seu negócio dar certo

1. Nunca pare de buscar conhecimento

Só o tempo, o estudo e as experiências nos fazem adquirir habilidades que até então eram desconhecidas. A reciclagem do conhecimento deve acontecer constantemente, afinal o mercado muda, assim como os concorrentes e os consumidores.

Estude a sua empresa, o seu ramo de atuação, seus concorrentes diretos e indiretos. Leia, faça cursos, assista a vídeos, aprimore seu conhecimento. Assim, será mais fácil identificar e aproveitar as oportunidades para fazer seu negócio dar certo e sempre apresentar bons resultados.

2. Esteja preparado para ser um gestor

Não basta apenas investir e começar a trabalhar, gerir um negócio envolve muitas questões como tomar decisões importantes, lidar com questões burocráticas, coordenar pessoas, delegar funções, organizar um planejamento, lidar com finanças e toda a rotina de uma empresa.

Qual é o seu nível de conhecimento sobre esses assuntos? Se sua resposta for pouco ou nenhum, procure se informar sobre essas questões e todos os processos rotineiros de um negócio.

3. Separe o dinheiro pessoal do dinheiro da empresa

Muitos dos pequenos empreendedores acabam misturando as finanças pessoais com as do negócio e esse é um erro muito grave. Retiradas do caixa fora de datas fixas ou, ainda, pagar contas da empresa com o dinheiro pessoal pode prejudicar a saúde financeira de ambos.

Nesse caso, a dica é ter uma conta para a empresa e uma pessoal, assim você consegue se organizar melhor, além de ter mais controle sobre o andamento do seu negócio.

4. Tenha um fluxo de caixa organizado

Esse é praticamente o “x” da questão. Organização e planejamento financeiro são determinantes para o sucesso ou o fracasso de uma empresa. Quanto a sua empresa recebe? Quais são suas despesas fixas e variáveis? Dívidas? Investimentos? Em quais períodos há mais entradas e saídas financeiras? Tenha o controle de tudo isso e, a partir desses dados, planeje suas ações e investimentos.

5. Identifique seus pontos fortes e fracos

Ninguém é expert em tudo, e conseguir assumir isso é um ponto forte! Uma autoanálise é fundamental para encontrar novos caminhos e se fortalecer no mercado. Use os pontos fortes a seu favor e reconheça seus pontos fracos para driblá-los e para melhorá-los.

6. Automatize alguns processos

Se você realiza manualmente todas as tarefas administrativas, sabe que o tempo diário gasto com elas não é tão pouco assim. Imagine poder focar em questões estratégicas para alavancar a sua marca enquanto um sistema realiza muitas dessas atividades operacionais por você?

A boa notícia é que hoje quase tudo pode ser automatizado, existe uma infinidade de maquinários, programas e softwares voltados para atividades próprias da administração, como controle de estoque, emissão de notas fiscais, controle financeiro, etc.

7. Conheça o seu cliente

De nada vai adiantar você se preocupar com todas as etapas anteriores, se você não conhecer exatamente quem é o seu cliente. É preciso definir quem é seu público-alvo. Quem são os potenciais compradores dos seus salgados e pra qual ocasião eles costumam comprar? Qual é a renda e a idade dos seus clientes? O que eles mais procuram?

Para responder a essas e outras questões importantes é indicado criar uma persona, ou seja, uma representação fictícia do seu cliente, com base em informações reais. Assim, fica muito mais fácil desenvolver um serviço personalizado e que atenda as expectativas dos consumidores.

8. Produza salgados de forma automatizada

Por fim, a nossa dica de ouro para o seu negócio dar certo é contar com uma máquina de salgados. Você pode escolher a que mais se adapte às suas necessidades, assim é possível produzir mais em menos tempo, sem perder a qualidade e ainda garantindo a higiene e a padronização dos seus produtos.

Gostou do conteúdo de hoje sobre como fazer o seu negócio dar certo? Que tal colocar as dicas em prática e entrar em contato conosco para solicitar um orçamento agora mesmo? Preencha o formulário abaixo.


Compartilhe